terça-feira, 8 de março de 2011

Cirurgia no antigo Tibet

Ilustração de 83 instrumentos cirúrgicos do Século 17.
                                  Foto: Holm Triesch.

A milenar medicina tibetana é conhecida pela terapia com ervas medicinais, bem como pelo diagnóstico de pulso e de urina.

Mas, a cirurgia era o último recurso utilizado. E nada de esterilização, o que naturalmente resultava em infecções.

Vale aqui refletir: eles faziam cirurgia sem esterilização, tinham infecções; hoje temos esterilização e todo um sistema para evitar bactérias nas salas de cirurgia, temos infecções.

Facit: não se pode evitar infecções nas cirurgias ou o foco do combate às infecções não é a esterilização?

Acelino Pontes

Postagem em destaque

A Intriga

Fonte: Internet. O método mais antigo e usado na política é a intriga. Infelizmente esta virose tem afetado em muito o rel...